O que é uma Startup - Lancaster Marcas e Patentes - Registro de marca em BH (Belo Horizonte- MG)
Praça Raul Soares, 85 - Belo Horizonte - MG (31) 3274-1718 | (31) 98948 1430 lancaster@lancasterpatentes.com.br
O que é uma Startup

O que é uma Startup

O que é uma Startup

 

Certamente você já ouviu o termo startup e você está se perguntando o que é essa tendência que está tomando tal importância hoje em dia?

Desde que nós queremos mantê-lo informado de tudo que acontece no mundo dos empresários, hoje vamos falar sobre a importância deste novo tipo de negócio, e uma maneira muito simples, vamos ilustrar as 13 características que, em nossa opinião, deve cumprir para poder dizer com certeza absoluta que eles estão no caminho correto de uso e gerenciamento de uma startup.

O que é uma startup?

Este termo, atualmente usado constantemente no mundo dos negócios, está relacionado a empresas emergentes que têm uma forte relação de trabalho com a tecnologia. Trata-se de negócios com ideias inovadoras, que se destacam no mercado suportadas por novas tecnologias.

A Startup é uma organização humana com grande capacidade de mudança, que desenvolve produtos ou serviços de grande inovação, altamente desejados ou exigidos pelo mercado, onde seu design e marketing são totalmente orientados para o cliente. Essa estrutura normalmente opera com custos mínimos, mas obtém lucros que crescem exponencialmente, mantém uma comunicação contínua e aberta com os clientes e está orientada para a massificação das vendas.

Por que elas são importantes?

Cada startup é apoiada por uma ideia que procura simplificar processos e trabalhos complicados, com o objetivo de o mercado ter uma experiência simplificada e fácil de usar.

Geralmente são empresas que querem inovar, desenvolver tecnologias e projetar processos da web. Principalmente, eles são empresas de capital de risco.

Nem todo mundo tem ou tem a oportunidade de trabalhar em grandes empresas, e esse é o grau de importância que uma startup tem.

Quais são suas características?

Embora sejam empresas com objetivos diferentes, cada uma delas compartilha uma série de características-chave que lhe dão o caráter de uma startup; considerações importantes para que o desempenho da equipe seja aprimorado, relacionado ao estabelecimento de metas e alcance de objetivos. São algumas características comuns de startups:

– Divisão de mérito por êxitos

– Igualdade de condições de trabalho

– Boa comunicação interna

– Alocação correta dos funcionários de acordo com suas competências

– Liderança forte e responsável

– Compreensão e proatividade no atendimento aos clientes

– Abertura para novos projetos e ideias

– Informalidade no ambiente profissional

Como saber quando uma empresa deixa de ser uma startup?

Uma startup pode parar de se encaixar nesse perfil atendendo aos seguintes requisitos:

– Sua empresa realiza um dia inteiro de trabalho diariamente.

– A equipe que compõe sua empresa trabalha no máximo 8,5 horas / dia.

– A maioria das principais ideias que sua empresa reúne estão fortemente relacionadas a ideias ou ações usadas pela concorrência.

– Os fundadores já têm títulos como CEO, então eles não compartilham o mesmo espaço que os problemas dos trabalhadores.

– Os CEOs podem estar ausentes do negócio sem qualquer problema, uma vez que os funcionários têm funções estabelecidas e são responsáveis por concluir o trabalho de maneira oportuna.

Agora, vire-se e decida se a empresa em que você está trabalhando pode ser classificada como uma startup.

O mundo das startups continua crescendo de forma imparável, então certamente veremos mais delas nos próximos anos.

Vantagens de startups

As empresas startup têm muitas possibilidades de expansão em comparação com outros tipos de empresas. Elas têm uma estrutura que permite reduzir custos operacionais e alcançar um público maior, fazendo um investimento menor.

A previsão de poder gerar lucros em um espaço de tempo relativamente curto incentiva os investidores privados a fazer grandes contribuições de capital e até de pessoal para apoiar o crescimento da empresa. Em muitos casos, eles até oferecem ideias e desempenham um importante papel de mentor para estimular esse desenvolvimento.

Existem as chamadas incubadoras de startups, que ajudam os empreendedores em sua fase de criação. Da mesma forma, os aceleradores de inicialização ajudam essas empresas a criar um crescimento mais rápido.

Algumas startups desenvolvem sua atividade mesmo sem ter que ter um espaço físico, já que cada trabalhador pode trabalhar remotamente. Em muitos casos, eles também não exigem um grande número de funcionários.

Essa classe de empresas incentiva o trabalho em equipe e a criatividade, a fim de desenvolver ideias inovadoras.

Sua organização horizontal permite a simples tomada de decisão e a comunicação direta entre os funcionários, o que gera uma maior participação e contribuição de ideias significativas.

A implementação de novos modelos de negócio e comunicação gerenciam para satisfazer as expectativas dos usuários ou clientes, uma vez que lhes permitem expressar suas próprias ideias e comentários sobre os produtos ou serviços recebidos. O resultado, em muitos casos, é um aumento na qualidade e eficiência.

Trabalhar em uma startup fornece um sentimento de pertencimento dificilmente gerado em empresas tradicionais. Muitas ideias de expansão são contribuídas pelo mesmo trabalhador, gerando valiosa experiência e aprendizado contínuo.

Geralmente, os membros de uma empresa emergente são jovens, embora também haja a participação de pessoas com mais experiência, independentemente de sua idade.

Empresas não hierárquicas que têm oportunidades de progresso profissional e pessoal.

Eles geralmente têm vantagens fiscais, dependendo do país onde a empresa é criada.

Desvantagens de uma startup

Eles operam em um ambiente de incerteza contínua, sujeito a mudanças operacionais com base nos resultados obtidos, que muitas vezes proporcionam pouca estabilidade aos trabalhadores.

O tempo no escritório não está claramente definido. As horas extras normalmente não pagas são feitas.

Salários mais baixos em comparação com empresas estáveis.

Responsabilidades amplas e, geralmente, não muito bem definidas.

Os prazos de entrega nas obras devem ser muito rigorosos para não colidir com outros projetos da empresa.

Seu rápido crescimento pode exigir valores de investimento por vários anos sem garantir seu retorno aos investidores. É um investimento em capital de risco.

Às vezes, os investidores desanimam porque não veem resultados rápidos e pressionam os CEOs a fazer mudanças que envolvam um retorno rápido do investimento.

A partida é como uma montanha-russa, tem altos e baixos. A maioria falha nos primeiros meses da criação, nem todos conseguem se posicionar favoravelmente. 

A relação entre startups e marketing online

Muitos empreendedores se conscientizaram da força do marketing on-line para expandir seus negócios. Todos os dias, um número maior de empreendedores está disposto a investir seu dinheiro em profissionais capazes de implementar estratégias de marketing digital bem-sucedidas. Não é uma moda, mas uma necessidade. Com empresas emergentes, o mesmo acontece: elas conseguem progredir graças a uma boa ideia e a uma excelente estratégia de marketing on-line.

O uso intensivo de tecnologias, metodologia e capital humano permite que eles atraiam clientes na Internet e gerem vendas através de suas lojas on-line ou on-line. A análise da web servirá posteriormente para refinar esses métodos e melhorar sua eficiência.

É uma realidade que uma startup não pode ser mantida se uma boa estratégia de marketing digital!

Leave a comment